Tá tudo uma merda, confuso, de cabeça para baixo


Rio de Janeiro,
11 de Outubro de 2018

Hoje eu to bagunçada!
É, uma bagunça, tipo o seu guarda-roupa, quando você tira e joga as roupas e não sabe mais o que está limpo e o que está sujo.
Só que na minha cabeça, sabe?
Não sei mais o que é limpo no meu coração e o que está precisando sair e dar espaço para que outros  façam morada.

Tá tudo uma merda, 
Confuso,
De cabeça para baixo!

Falando em cabeça, a minha já tá até doendo, de tanto pensar no será. 
Será que devo ficar ou sair?
Será que devo enfrentar ou dar um passo atrás?
Será que devo permanecer estática?

Minha vida não consegue ser uma linha reta,
Porque a minha cabeça pira em certas situações,
Em certos medos,
Em certas chances.

Minha mente duvida de mim o tempo todo
E me leva com ela,
Fazendo com que eu não acredite em mim,
Sabe?

As vezes ouço uma voz que grita 
“Corre, sai daí!”
E outras vezes ela sussurra
“Vou ficar aqui, enfrenta tudo comigo?”

E eu fico no meio dessa confusão,
Sem saber o que fazer,
Com a cabeça cheia e estafada,
Sem saber o que viver.

0 Comentários